A resposta para a pergunta: quanto ganha um compositor? é muito relativa, mas neste artigo vamos dar alguns exemplos práticos de quanto um compositor pode faturar.

Ter uma música gravada por grandes artistas é o sonho de todo compositor, e com certeza você está incluso nessa... hehe.

Mas o que muitos compositores não sabem é que os “grandes compositores” que têm músicas gravadas com grandes artistas faturam muito com liberações simples para artistas desconhecidos.

Para o compositor existem dois tipos de ganhos, o ganho na liberação da composição e o ganho por execução.

Na liberação, o ganho pode se dar por uma liberação simples ou exclusiva.

Quanto ganha um compositor na liberação simples?

A liberação simples ocorre quando a música é liberada para o artista x, mas ele não tem exclusividade, com isso o compositor é livre para liberar a mesma música para quantos artistas desejar.

Esse tipo de liberação é a mais em conta e varia muito.

Nós temos um site onde disponibilizamos músicas dos compositores para os artistas, chamado Vitrine do Compositor (conheça o site aqui). 

Nele nós liberamos as músicas por R$ 600,00 e, lembrando, nesse tipo de liberação o compositor é livre para liberar a mesma música para outros artistas.

Para nós, esse valor é o mínimo em uma liberação, mas isso depende de cada caso.

Conhecemos compositores que liberam uma música na liberação simples na faixa de R$ 2.000,00 a R$ 3.000,00.

Isso vai depender do artista em questão e das pessoas que estão por trás do projeto, tudo deve ser analisado.

Quanto ganha um compositor na liberação com exclusividade?

Nesse tipo de liberação, como o próprio nome já diz, por um período determinado em contrato (geralmente um ano e meio) a música será exclusiva para o artista que comprou a liberação, ou seja, o compositor não poderá liberar a mesma música para nenhum outro artista durante o período.

Esse tipo de liberação já é para artistas que desejam investir pesado em uma divulgação.

O que sabemos e também falamos com propriedade, já que fizemos guias de músicas que foram gravadas por artistas como Henrique e Juliano, Maiara e Maraisa, entre outros, é que uma liberação com exclusividade gira em torno de R$ 15.000,00.

É claro que esse valor pode mudar de um projeto para o outro; como informamos acima, vai depender do artista e do time que está por trás do projeto.

Os ganhos do compositor acabam aí?

De maneira alguma, além dos ganhos sobre a liberação, seja ela com exclusividade ou não, ainda há os ganhos sobre direito conexo.

No Direito conexo, o ganho ocorre pela execução da música nas rádios, novela, filmes, etc., ou seja, toda vez que toca sua música você ganha por isso.

Já no Direito Autoral o ganho se dá quando a música é executada, mas não a gravação, sim em uma apresentação ao vivo.

De uma forma simples, quando toca sua música a partir de uma gravação, o compositor receberá conexo. Agora, quando qualquer artista cantar sua música ao vivo, nesse caso você receberá direito autoral.

Em Direito conexo não é só o compositor que recebe, todos que participaram da gravação do fonograma recebem uma porcentagem pela execução - compositor, interprete, músicos, etc.

Tá, mas quanto ganha um compositor?

Sei que você quer saber, mas a resposta é muito relativa, é como jogador de futebol, tem jogador que ganha R$ 1.000,00 e tem jogador que ganha R$ 1.000.000.00 (Um Milhão de Reais).

Compositor é a mesma coisa, vai depender exclusivamente de quantas músicas ele tem gravadas e quantas foram sucesso.

O que podemos afirmar é: se o compositor tem uma música que faz sucesso nos quatro cantos do Brasil e é muito executada em rádios, só de direitos autorais ele pode faturar mais que meio milhão, tranquilamente.

A dica que nós, do Ajeito Sua Música, damos para você é: faça network com os artistas de sua cidade, estado e outros artistas do Brasil que estejam começando, mas que já tenham um trabalho em andamento e desejam músicas de qualidade para gravar. A partir das liberações para esses artistas sem expressão na mídia é que você chegará aos grandes artistas.

Se gostou do artigo, deixe seu comentário, ele nos incentiva a criar outros.

Abraço e até a próxima!

  • Excelente artigo. Muito objetivo, realista, e acima de tudo muito animador. Era justamente o que eu mais precisava ouvir. Compor músicas para ficarem esquecidas numa gaveta (da Internet ) é a coisa mais deprimente que existe. Você investe um dinheiro que não tem retorno. E muitas vezes as pessoas da família e amigos não te incentivam. O compositor muitas vezes só tem o sonho de dar uma virada na vida através de suas composições musicais. Eu gostaria de conhecer
    alguém no meu estado que se interessasse em minhas músicas. A gente chega a imaginar que rola algum tipo de máfia na coisa. Um QI. Pois é muito raro de dar certo. Eu achei que me assossiar na MMUSIC fosse resolver meu problema. E nunca deu em nada. Tô querendo até sair de lá. Eu só preciso que pelo menos uma das músicas faça sucesso.

    • Que bom que gostou, Jeferson! Ficamos felizes que conseguimos te animar em sua caminhada. Não desista meu querido, pois os resultados com certeza virão, é questão de tempo. Sucesso!

  • É para mim de grande valia essa informação que eu não sabia e que servirá para o conhecimento de tantos outros compositores.
    Obrigado.

  • Olá! Excelente artigo esse conteúdo esta bem explicado e resumido. Gostei muito, parabéns a equipe do ajeito sua música.

  • Gostaria de saber por exemplo, na vitrine, a liberação custa 600 reais, mas quem coloca a música na vitrine tem a opção de cobrar um valor diferente desse, digo a cima desse valor, por exemplo 1000 reais, ou mais? Outra pergunta, se for uma liberação com exclusividade, voces fazem os tramites para isso ou é por conta do compositor? Eu falo em relação a documentação e tal…. obrigado pelas informações

    • Olá Isac! Toda liberação pela Vitrine do Compositor sendo com exclusividade ou não é feita pela equipe do Ajeito Sua Música. Você receberá os documentos apenas para assinatura. Já o valor estipulado é uma base, mas o compositor é livre para colocar o valor que desejar. Se deseja colocar o valor base de R$ 1.000,00, todas as suas composições serão nesse valor. Já o valor de exclusividade, nós entramos em contato com o compositor para tratar sobre. Obrigado.

  • É muito bom ler os textos de vocês. Informações precisas e objetivas. Obrigado por estarem sempre nos esclarecendo sobre o mundo da música. Abraços.

  • Não sei porque quando postei o comentário anterior, apareceu ao lado do meu nome “compositor aventureiro”. rs Também estou na luta, mas sem aventuras….seguimos. Abraços turma.

    • Hehe… Fique tranquilo, temos um sistema de pontuação no blog e quanto mais comentários e interação, mais medalhas e troféus o compositor ganha. Sucesso!

  • Parabéns pessoal do Ajeito Sua Musica.
    Muito legal as explicações, são bem esclarecedoras.
    Um abraço do compositor Rodson Rolemberg Santana.